Imprimir

Convite para a Audiência Pública “Pesquisa Nacional sobre o Ambiente Educacional com Adolescentes e Jovens LGBT no Brasil”

O Grupo Dignidade é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, fundado em 14 de março de 1992 em Curitiba. É pioneiro no estado do Paraná na área da promoção e defesa da cidadania e dos direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT).

 

Neste sentido, em parceria com a Universidade Federal do Paraná e várias entidades locais e nacionais, coordenamos no Brasil um braço de uma iniciativa conjunta realizada com outros cinco países da América Latina (Uruguai, Argentina, Chile, Peru, Colômbia), envolvendo uma pesquisa nacional via internet com adolescentes e jovens LGBT sobre suas experiências enquanto pessoas LGBT no ambiente educacional no ano de 2015. Esta mesma pesquisa vem sendo realizada nos Estados Unidos há 25 anos.

 

No Brasil, 1016 estudantes de 26 das 27 Unidades de Federação responderam a pesquisa sobre suas experiências no ano de 2015, cujos resultados foram concluídos recentemente.

 

A pesquisa trouxe à tona dados preocupantes sobre a segurança e o bem-estar dos/das adolescentes e jovens LGBT no ambiente educacional que exigem uma resposta das autoridades competentes. 

 

Assim sendo, e tendo em vista o Dia do Estudante e o Dia Internacional da Juventude, gostaríamos de convidar para participar da Audiência Pública “Pesquisa Nacional sobre o Ambiente Educacional com Adolescentes e Jovens LGBT no Brasil”, no dia 10 de agosto de 2016, com início às 8h30, no Mini Auditório da Assembleia Legislativa do Paraná. A Audiência Pública está sendo promovida pela Comissão Permanente de Educação da Assembleia Legislativa do Paraná.

 

Na ocasião serão apresentados e debatidos os resultados da pesquisa. Espera-se também que a Audiência promova um intercâmbio de experiências de enfrentamento da LGBTfobia nos ambientes educacionais, além de resultar em apontamentos práticos sobre como as instituições representadas podem contribuir para amenizar a situação alarmante retratada nos resultados da pesquisa.

Toni Reis

Diretor Executivo

Grupo Dignidade